Buscar
  • Moisés Mauro D. Aquino

Prefeitura de Lorena realizou a Audiência Pública da Saúde na Câmara Municipal.


Na manhã de sexta-feira (22) ocorreu mais uma Audiência Pública da Secretaria de Saúde, sendo o referente ao terceiro quadrimestre de 2018.


É importante compreender que a audiência pública se faz necessário desde a criação da Lei Complementar n° 141, de 13 de Janeiro de 2012 para que todos os munícipes possam acompanhar o desenvolvimento de sua cidade. Já no debate da audiência pública os Vereadores Elcinho Vieira (PV), Maurinho Fradique (PTB), Pedro da Vila Brito (PTB) questionaram sobre a necessidade de uma analise da água que os munícipes da parte alta do Parque das Rodovias utilizam, tendo em vista que a população usam a água de um poço artesiano.


Vale ressaltar que os Vereadores Beto Pereira (DEM) e Bruninho Ribeiro (PPS) estiveram em São Paulo para buscar recursos e melhorias para os munícipes, em especial para os moradores do local supracitado.


Posteriormente o Vereador Elcinho Vieira (PV) questionou sobre as orientações para uso da água nas cacimbas e poços artesianos, também relatou sobre o problema da dengue no município de Lorena e por fim o nobre edil perguntou sobre a taxa que a prefeitura cobra para as castrações de cães e gatos.


A Secretária de Saúde, Senhora Imaculada Conceição Magalhães declarou que irá trabalhar de forma mais efetiva no sentido de educação e orientação em relação ao uso adequado da água. No que diz respeito a taxa de castração, a secretária disse que realmente existe e foi aprovado pelos vereadores, contudo os munícipes que não tiverem condições de pagar a taxa, poderá requerer a isenção. Por fim a Imaculada agradece a pergunta sobre a dengue por que é de suma importância a população saber e ajudar na prevenção, pois os dados referentes aos criadouros na cidade é alarmante, tendo em vista que de dez casas, sete tem criadouro do mosquito transmissor.

Logo, o Presidente da Câmara Municipal de Lorena, Maurinho Fradique declarou que desenvolveu o projeto e aprovou a Lei de Criação do PEV - Ponto de Entrega Voluntária, que irá facilitar a coleta de materiais que hoje se encontram descartados nas ruas, avenidas, calçadas e nas margens dos rios. Assim sendo, poderá diminuir o índice de criadouro da dengue no município de Lorena.

0 visualização

Desenvolvido pela Multicom - Agência Digital

Plataforma orgulhosamente criada pela Wix.com